Por Helena Downing – ex-integrante da equipe de treinamento de missionários de Missões Mundiais.

Quando se fala do trabalho que Missões Mundiais desenvolve em 69 campos, nossa tendência é pensar apenas nos ministérios realizados pelos seus 740 missionários. Às vezes, nos esquecemos que muitos casais têm filhos, carinhosamente conhecidos como FMs (filhos de missionários).

Nos últimos 10 anos, Missões Mundiais já treinou mais de 60 filhos de missionários. Eles passam por essa preparação antes de seguirem aos campos com seus pais, afinal a criança precisa entender o plano de Deus na vida dela e de sua família, a fim de não sofrer abalos psicológicos ocasionados por uma mudança repentina de cultura. Esse é um dos problemas que alguns missionários enfrentam durante uma troca transcultural.

Os FMs atuam junto com seus pais em quase todos os nossos campos. Embora enfrentem dificuldades, muitos são gratos pelas oportunidades de conhecerem culturas diferentes, de terem muitos amigos e aprenderem coisas novas. Eles reconhecem que nas experiências missionárias há pontos positivos e negativos. Alguns têm até criado estratégias para ajudar a evangelizar os povos. Assim, os missionários não estão sozinhos nos campos. Seus filhos estão juntos com eles na missão de testemunhar o Evangelho de Cristo às nações.
Alguns exemplos de FMs

Para a honra e glória de Deus, todos os FMs são preparados e têm sido bênçãos no ministério de seus pais. Um FM apaixonado pela obra missionária é Davi da Costa Faria (14 anos), filho do casal Aléksei e Ana Paula Faria, que está em Antofagasta/Chile. Ele é um grande ajudador de seus pais no campo. Uma das estratégias usadas por Davi para divulgar o trabalho dos filhos de missionários foi a criação de um blog (fmradicais.bligoo.com), bem como de uma página no Facebook: (facebook.com/fmradicais).

Karina é outra FM que hoje é mais uma missionária dos batistas brasileiros. Ela é filha de Maria Lucinalva Dias, missionária em Guiné Equatorial, na África. A vontade de querer ser como a mãe surgiu no seu coração depois que Lucinalva, viúva, seguiu para o campo missionário.

Em 2011, Karina renunciou a um cargo público, amigos e sua vida no Recife, pois Deus a preparava para ir falar do seu amor a outros povos. Ela é casada com o Pr. Marcos Queiroz, também missionário e FM. Agora os dois, juntos, testemunharão o Evangelho de Cristo aos peruanos.
Investindo nos FMs

“Trabalhei diretamente com os filhos de missionários por quase 10 anos. E, nesse tempo, pude ver a forma como Deus abençoa as famílias, preparando todos os seus integrantes para a obra missionária. O Senhor não usa somente os pais, mas também os filhos, porque eu tenho certeza que eles são muito importantes na Sua obra. Ele ama as pessoas e quer que todos tenham a oportunidade de recebê-Lo como Salvador. Os FMs, por exercer um papel importante na família e na obra de Deus, merecem um bom investimento”, Helena Downing – ex-integrante da equipe de treinamento de missionários de Missões Mundiais.

 

2 Comments

  1. Luzia Maria Ribeiro Guimaraes

    Necessito contato com a escritora Helena Dowing

    • Redação Radar

      A graça e a paz Luzia. Este artigo faz menção ao trabalho que a CBB (Convenção Batista Brasileira) tem prestado em missões mundiais. Para que tenha mais informações sobre Helena Downing, entre em contato com a secretaria da instituição – secretariacbb@batistas.com
      Vale também ressaltar que no Brasil, temos um ministerio (PHILHOS) que independente da sua denominação eles lidam com os FMs (Filhos de Missionarios). Caso seja de seu interesse, entre em contato com eles – CIM/ Cuidado Integral do Missionário (http://www.cuidadomissionario.org.br/)
      Obrigada pelo contato.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.