O paulista Rubens da Costa Pereira nasceu em um lar evangélico e uma família de nove irmãos. Filho de pastor, desde criança Rubens acompanhava seus pais. “Meus pais foram chamados por Deus para o Ministério bem cedo, então cresci nesse meio, desde cedo também mudamos muito de casa, chegamos a morar até em construções, não parávamos muito tempo e logo tínhamos que mudar de novo”, lembra.

Aos 20 anos de idade, Rubens decidiu morar com o irmão, em São Paulo. Ele queria terminar os estudos e trabalhar e se tornou membro da Primeira Igreja Batista do Parque São Rafael (SP). Lá, envolveu-se de corpo e alma com a igreja, onde trabalhou com jovens, discipulado, evangelismo em ruas e escolas, apoio às congregações e escolas bíblicas dominicais.

O tempo passou e Rubens Pereira foi estudar no Seminário Batista e as portas começaram a se abrir para desenvolver o ministério. “Recebi um desafio de Deus, através do apelo missionário do Pastor David Botelho, da Missão Horizontes América Látina.Fiquei meio receoso, mas era Deus quem estava me chamando e eu não entendia. Dias depois, o meu pastor, Nelson Luciano Dias, me fez o mesmo desafio para ir com mais 100 candidatos à missões de toda a parte do Brasil”, contou.

O jovem paulista ficou indeciso, orou e aguardou a resposta do Senhor, que segundo ele, o conflitou através da Palavra de Mateus 10:37.

Depois de tomada a decisão, dúvidas e questionamentos caíram sobre a mente de Rubens, que se perguntava o que iria fazer em missões e como poderia servir a Deus sendo apenas um cozinheiro. “Deus me mostrou que, primeiro a gente tem que ter um coração disposto e ouvidos atentos, para então ser o que Ele quer que sejamos. As outras coisas são consequências”, disse Rubens, que já participou de projetos missionários no Paraguai, País de Gales e França. Ele casou-se com Rubenita durante a Missão Horizontes América Latina.

A missionária Rubenita Pereira também nasceu em um lar cristão. Ela conta que lendo um testemunho de uma missionária, em uma revista evangélica, sentiu-se desafiada para trabalhar em missões. Atualmente, o casal desenvolve projetos missionários em Novo Triunfo, na Bahia. Lá, eles ajudam no povoado Quilombola, chamado “Casinhas”. De 15 em 15 dias, realizam cultos em um templo da igreja Batista que foi construído por americanos.

Rubenita diz que em Novo Triunfo o grau de escolaridade das pessoas é baixíssimo. Os adolescentes e jovens têm pavor de estudar e ler. Já com os idosos a situação é ainda mais difícil, pois não possuem instrução alguma quanto à leitura. Devido a esta dificuldade, eles usam o método dos contadores de história, que utilizam parábolas de Jesus para aplicar no cotidiano. Rubenita faz uma crítica. “As pessoas vão à Igreja, mas não conseguem ter um compromisso com Jesus. Quando tem algum problema, seja doença, dificuldade na família etc, vão buscar um curandeiro para solução desses problemas, porém, se não conseguem aí então procuram os ‘crentes’ (nós os Cristãos), por isso necessitamos muito de vossas orações”, pede Rubenita.

Para contato e colaboração com o trabalho do casal missionário

Email.: RUBENS : bicaru69@gmail.com /  RUBENITA : rube.rocha@hotmail.com

Caixa econômica Federal

Agência: 4093 – Conta corrente: 1394 – 0 – Operação : 001

Rubens da Costa Pereira

 

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.